sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Hora do fado

É hora do fado
Do amargo
Do afago
Beijo dado
Não roubado
Corpo farto
Eu me ardo
Não resguardo
Deu-me tudo
Quando começa
Eu me acabo