domingo, 9 de janeiro de 2011

Mais ser e menos poder, já! Tem muita gente que pode, que só pode e que poderia ser. Gente que podia ser, e vem apontando o dedo para quem simplesmente é. Fui clara?